Como limpar o automóvel: os melhores truques e conselhos

23 Abril | 2019 | Goodyear

Dedicamos muito tempo a cuidar das partes mais importantes do nosso carro. A manutenção dos pneus, as várias partes do motor e outros elementos, como o airbag são indispensáveis para a nossa segurança ao conduzir.

No entanto, em muitos casos, não prestamos a devida atenção a outra parte muito importante do seu automóvel: a limpeza. Mas, manter o nosso meio de transporte em perfeito estado inclui também tê-lo bem limpo por dentro e por fora.

Por dois motivos: o prazer de desfrutar do veículo quando está impecável e os factores que estão associados à segurança. Estes são os melhores truques e conselhos para limpar o carro.

Quatro motivos para limpar o carro

Pensamos, frequentemente, que a limpeza do veículo é algo meramente estético. Que não interfere com a condução e, muito menos, com a segurança. No entanto, não é verdade: ter um veículo limpo por dentro e por fora é fundamental para evitar tanto possíveis problemas na estrada como problemas de saúde no interior.

  • Manter o carro limpo por fora permite aos outros veículos ver-nos melhor na estrada. Pelo que aumenta a nossa segurança ao conduzir;
  • Precisamos ver os outros veículos tanto como eles precisam de nos ver. Por isso é imprescindível manter limpos os vidros do pára-brisas, das janelas e também dos faróis e também os faróis e outras luzes;
  • Um carro desvaloriza-se com o passar dos anos. Mas, um carro sujo deteriora-se mais rapidamente pelo que é recomendável lavá-lo uma vez por semana.
  • Ter um carro limpo por dentro ajuda a prevenir alergias em crianças e adultos.

como lavar o carro

Limpar o exterior do carro

O exterior do carro está exposto à chuva, às poeiras, aos efeitos do Sol e muitos outros fatores. É por isso recomendável que o lave uma vez por semana. Fazê-lo é mais simples do que pensa. No entanto é importante saber que convém não aplicar diretamente os produtos na superfície da carroceria.

Antes de começar, convém tirar uma primeira camada de sujidade com um balde de água e uma esponja sem produto. Deve começar pela parte de cima do veículo. Se o seu carro é alto, pode utilizar um pequeno escadote. Depois deve utilizar o balde de água e um pouco de detergente líquido (há produtos especiais para o automóvel). Molhe a esponja e comece a lavar por partes, de forma circular. Para secar, utilize um pano de algodão.

Os vidros

Para os vidros poderá usar um pano limpo e vinagre. No entanto, pode encontrar no mercado alguns produtos com bicarbonato que podem igualmente ser úteis.

As jantes

É recomendável fazer uma pasta com bicarbonato e água e aplica-la com um pincel nas jantes. Deixe atuar durante alguns minutos e enxagúe. As partes cromadas, se não forem de alumínio, podem limpar-se com vinagre e água. Assim ficarão mais brilhantes.

As luzes

Para as luzes pode utilizar-se um pouco de de pasta de dentes. Parece incrível, mas é a melhor solução.

como lavar o carro

Limpar o interior do automóvel

Os estofos

Os estofos são a parte do automóvel que mais problemas dá para limpar. Uma solução caseira muito simples é misturar vinagre branco com água em partes iguais. E, com a ajuda de uma esponja, passar por toda a superfície dos estofos. Antes, pode aspirar, com o seu aspirador de casa, para que o pó e as migalhas existentes desapareçam. A mesma solução irá funcionar perfeitamente no tabelier.

Os tapetes

Antes demais, é necessário sacudir os tapetes, ao ar livre, e passar com o aspirador. Para lavá-los, é recomendável detergente da loiça. Este é adicionado a um balde de água quente com um pouco de vinagre branco. Depois, com uma escova de cerdas duras limpa-se o tecido das esteiras com cuidado para não estragar. Convém deixar o produto atuar durante meia hora antes de o retirar. Se as esteiras forem de plástico bastará aspirar e lavar com água e detergentes.

Seis coisas que não deve fazer ao limpar o seu carro

Em algumas situações, a nossa vontade de fazer um bom tralham ultrapassam os nossos conhecimentos. Por isso cometemos erro que, no pior dos casos, podem estragar a carroceria ou os interiores dos nossos carros. Por isso, preparamos uma lista de erros que devemos evitar ao limpar o automóvel.

Não utilizar detergentes da roupa

Parece de propósito, mas quando se recomenda lavar o carro com água e detergente, a primeira coisa que se encontra em casa é normalmente o detergente de lavar a roupa. Escolha antes um detergente com PH neutro para não danificar a pintura.

Não utilizar a mesma água

Não utilize o mesmo recipiente para lavar e para enxaguar. Quando terminar a limpeza exterior do veículo, deite fora a água suja e ponha água limpa para começar no interior. Se não o fizer, a sujidade que tirámos da carroceria será introduzida no interior.

como lavar o carro

Não lavar ao sol

Muitos pensam que é melhor lavar o carro quando está mais calor, para o que o Sol se encarregue de o secar mais rapidamente. No entanto, o Sol pode alterar os produtos de limpeza utilizados, aquecê-los e deixar marcas permanentes. O melhor é lavar o carro ao início ou ao final do dia.

Não utilize produtos gordurosos no interior

O carro pode ficar muito bonito, mas pode resultar em problemas graves de segurança. Por exemplo, os pedais podem escorregar impedindo acelerar ou travar no momento necessário.

Não utilizar limpa-vidros doméstico

Os produtos que usamos em casa não são os mais adequados para o automóvel, já que podem causar manchas e, inclusivamente, tornar os vidros do carro opacos. Por isso devem ser evitados.

Não se esqueça dos pneus

As rodas são o que está permanentemente em contacto com o chão. Por isso é uma das partes do veículo que mais se suja.

Truques caseiros que marcam a diferença

Se tem filhos pequenos, o melhor, quando compra um carro, é escolher modelos cujo interior seja escuro, já que se notará menos a sujidade. E, se o motor funcionar perfeitamente, também poderá mudar os estofos do veículo a meio da sua vida útil. Terá a impressão de estar um carro novo, gastando pouco dinheiro com a mudança.

Mas, o normal, é que, se tem filhos em casa, encontre pastilhas elásticas coladas nos estofos. Para as retirar utilize gelo. Aplicando gelo a pastilha fica rija e, quando estiver bem dura pode retirá-la com a ajuda de uma espátula. Para manchas de chocolate o melhor é sabonete líquido e um pano de algodão húmido.

Para os que usam o automóvel para ir trabalhar será possível ter de lidar com manchas de café. Neste caso, o melhor é usar limpa-vidros e água fria para as retirar.

Mas, se a mancha é de gordura ou óleo tente misturar água com uma pequena quantidade de detergente de cozinha desengordurante. Não é fácil sair, mas poderá ser mais provável do que utilizar apenas água e sabão.

Se o problema são manchas de maquilhagem, pode aplicar-se um pouco de desmaquilhante liquido ou detergente de roupa. Com um pouco de paciência, consegue-se retirar todas as manchas.

Há dois tipos de nódoas que, mais cedo ou mais tarde encontramos no carro: vómito de criança ou tinta de caneta. Para o primeiro caso, o melhor remédio é aplicar rapidamente água e detergente, pois os ácidos do estômago podem danificar os estofos. Se, porventura, não sair, deverá levar o automóvel a um local de limpeza especializado. No caso da tinta é mais simples: mistures água e álcool em quantidades iguais e aplique a solução diretamente sobre a nódoa.

Já sabe tudo sobre como limpar o carro. Agora falar pôr mãos à obra e deixar o nosso veículo preparado e desfrutar dele para fazer quilómetros que contam.

Good Year Kilometros que cuentan