Concertos 2019: os grandes eventos a que não pode faltar

A Goodyear selecionou para si alguns concertos que, em 2019, vão encher os fãs e festivaleiros de alegria e animação.

A Goodyear, com a ajuda de quem mais sabe sobre o assunto, selecionou para si alguns concertos que, em 2019, vão encher os fãs e festivaleiros de alegria e animação. Poderá consultar a lista completa no site da revista Blitz e ainda por cima em atualização regular.

Mas deixamos-lhe aqui algumas sugestões com base, essencialmente, nos gostos de quem está a escrever. Mas se não são estas as suas bandas de eleição, não desespere. A oferta é muitíssimo variada.

Pode começar por assistir a um espetáculo dos Xutos & Pontapés, que continuam a dar que falar. Será a 25 de janeiro, no Lisboa ao Vivo, na capital, e a 1 de Fevereiro no Hard Club, no Porto. O bilhete custa 20 euros.

Echo & the Bunnymen atuam nos mesmos espaços no Porto e em Lisboa no mês de Fevereiro. O Hard Club recebe-os a 9 de fevereiro e o Lisboa ao Vivo a 10 de fevereiro. Desde 1 de janeiro, os bilhetes custam 35 euros.

Ainda em fevereiro e porque um dia não chegou para as encomendas, os Massive Attack atuam no Campo Pequeno em Lisboa. Será nos dias 18 e 19 de fevereiro e os bilhetes variam entre os 24 e os 39 euros.

Já em março, Carolina Deslandes, que agrada a miúdos e graúdos tem também duas datas agendadas. No Coliseu de Lisboa, no dia 15 e no Coliseu do Porto a 29. Para assistir terá de pagar entre 15 e 35 euros no Porto e 40 euros em Lisboa.

Também nos Coliseus de Porto e Lisboa, James sobem ao palco nos dias 3 e 4 de abril, respetivamente. Os preços variam entre os 32,50 euros e 37,50 euros.

Os concertos voltaram aos estádios e os Metallica voltam a Portugal. A 1 de maio, o estádio do Restelo em Lisboa, recebe uma das mais famosas bandas de metal do mundo. Os bilhetes custam entre 70 e 125 euros

Difícil será a escolha, pois Bob Dylan, num estilo totalmente diferente e também noutra cidade, estará no Porto, também no dia 1 de maio, no Coliseu. Para ver o cantor-poeta será necessário pagar a partir de 40 euros.

Depois é a vez dos festivais. O Passeio Marítimo de Algés, em Oeiras recebe, entre 11 e 13 de julho, um vasto conjunto de artistas. Destacamos os The Cure, os Vampire Weekend, ou os Smashing Pumpkins. Os passes para o festival custam entre 65 euros (um dia) e os 149 euros (três dias).

O Meo Marés Vivas, entre 19 e 21 de Julho, leva a Vila Nova de Gaia Sting e os Ornatos Violeta. O bilhete diário custa 33 euros e o passe 61 euros.

De volta a Algés, no Passeio Marítimo de Algés, é a vez dos Muse atuarem novamente em Portugal. A 24 de julho. Os bilhetes variam entre os 60 e os 80 euros.