Galapinhos, uma escapadela na melhor praia da Europa

Encaixada entre a Arrábida e o mar, a praia de Galapinhos é um pedaço do paraíso na Terra. Passe um fim de semana na região de Setúbal com um pé no mar.

Já sabíamos que ela é fantástica, mas Galapinhos teve a honra em 2017 de ser considerada a “Melhor Praia Europeia”. A escolha é dos utilizadores do European Best Destinations que a colocaram à frente de Sidari ou Porto Timoni. Em pleno parque natural da Arrábida, depois de uma estrada apaixonante, é “a praia perfeita na natureza mais pura”. Este mar e paisagem convenceram os votantes de toda a Europa e agora é o Mundo que quer descobrir Galapinhos!

“Portugal is extraordinary!” começa o texto de apresentação do vencedor, antes de explicar que é a beleza natural do Parque da Serra da Arrábida que oferece uma envolvente digna de ser considerada a mais bonita da Europa. Além das suas congéneres estrangeiras, a praia setubalense ficou ainda à frente de Miramar, Marinha e Cova Redonda, todas elas merecedoras de distinção só por si.

Serra e mar

Encostada à serra da Arrábida e a Galapos, que lhe dá o nome, a vizinhança não podia ser de melhor gabarito. Contudo, chegar lá é mesmo o mais complicado. A bonita estrada que nos leva de Setúbal até ao Portinho da Arrábida é cada vez mais concorrida e pode ser um pesadelo no verão. Os lugares de estacionamento são escassos e precisamos de muita paciência e/ou pés para andar até ao nosso destino. O caminho para a praia faz-se depois por um trilho acidentado ou através da vizinha Galapos durante a maré vazia.

Mas, quem arrisca não sai desiludido e vai recomendar Galapinhos a quem quer que pergunte. Apesar da água gelada, o limpo mar verde esmeralda e o anfiteatro das falésias são suficientes para apaixonar qualquer um. Alvo de proteção especial, a praia é classificada como “semi-natural” e parece um pequeno paraíso de um filme de Hollywood. Bastante frequentada mas raramente sobre-lotada, é ainda mais bela durante a parte da manhã ou ao final do dia, quando a luz do Sol reflete nas águas de forma mágica.

Escapadela na Arrábida

Aproveitar Galapinhos da melhor maneira implica uma escapadela de alguns dias em Setúbal ou mesmo na Serra. O desafio de rumar aqui durante o verão aconselha a evitar as horas de ponta e chegar bem cedo. Mas, se a viagem pode ser um pesadelo, um fim de semana aqui é uma passagem para um estado zen. Felizmente, numa zona com uma envolvente deste nível, não faltam ofertas de turismo de qualidade superior.

A Casa da Adôa fica na baía do Portinho da Arrábida a apenas 50 metros do mar. É uma casa secular recuperada para o turismo de habitação com uma genial vista sobre o mar. Apesar da idade e do seu aspeto vintage, esta paisagem luminosa tira-lhe qualquer sinal de mofo ou bafio. Além de Galapinhos a dois passos, ficamos na vizinhança do Portinho que, não sendo a “mais bonita da Europa”, não lhe falta muito para essa distinção. Por seu lado, o Hotel Club d`Azeitão é um lindíssimo edifício recuperado do séc. XVII circundado por uma enorme e verdejante quinta. Distinto e elegante, fica a cerca de 10km de Galapinhos, mas servirá como base também para outro tipo de aventuras.

Galapinhos, uma escapadela na melhor praia da Europa

Natureza & Gastronomia

Para além de um dia no areal de Galapinhos, um fim de semana na Serra da Arrábida tem, obrigatoriamente, que contemplar um passeio pelos seus trilhos. A pé ou de bicicleta ou até de veiculo todo-o-terreno, há muita paisagem para descobrir. Há grutas e paredes de escalada, operadores onde alugar equipamento de mergulho e até golfinhos à espera no estuário do Sado.

Além da vista, o estômago também descobre uma nova vida durante um fim de semana por aqui. Estamos afinal na zona vinícola responsável por vinhos como os de José Maria da Fonseca, Ermelinda de Freitas ou Quinta da Bacalhôa. Faça uma visita às adegas da região e deixe-se apaixonar pelo moscatel e também pelo queijo de azeitão. No peixe não há muitas hipóteses de errar, estamos ao pé de uma das melhores zonas de pesca do país. Visite Setúbal para delirar com o choco frito e caldeirada local porque poucos sabem cozinhar peixe como os sadinos.

A apenas 50km de Lisboa e com o nosso verão comprido e outono soalheiro, Galapinhos tem muitos dias de boa praia para nos oferecer. E, se o tempo já não estiver para mergulhos, basta beber a beleza desta paisagem para refrescarmos a alma.