Internet no carro: precisa de um hotspot Wifi?

Quer oferecer Internet a todos os passageiros do carro? Explicamos o que precisa saber e 3 formas de ter um hotspot wifi sem investir num topo de gama.

Quer transformar o seu carro num escritório móvel? Aceder a conteúdos online com boa força de sinal e criar um sistema de entretenimento para a família toda? Montar um hotspot wifi é uma solução simples, que não precisa de grande investimento ou conhecimento técnico. Conheça as vantagens e como pode instalar Internet no seu carro.

Os fabricantes automóveis já estão a oferecer soluções integradas de acesso à Internet e deverá transformar-se numa função standard durante os próximos anos. A Audi foi a primeira a oferecer uma solução deste tipo, em 2011, mas o mercado já conta com mais 15 outras empresas e cerca de 100 modelos. Não falta muito para que esteja presente em todos os segmentos do mercado. Da Apple à Fiat, há um investimento forte numa qualquer forma de ligação à rede.

A oferta arrancou com sistemas integrados, por subscrição, destinados a clientes premium, mas já está a democratizar-se. A Ford ou a BMW, por exemplo, têm soluções que fazem o caminho inverso e usam o smartphone do condutor para ligar à rede. Até lá, para quem não pode ou não quer investir num dos modelos onde estas funções já são standard, contamos como instalar um hotspot wifi no seu carro.

Por quê um hotspot wifi?

O futuro dos nossos carros passa cada vez mais pela rede. Dados em tempo real, streams de música, mapas atualizados, as vantagens são óbvias. Mas, com cada um de nós a transportar sempre um smartphone, será que, além desse, precisamos ainda de mais outro dispositivo móvel? Um carro? Um telemóvel moderno pode facilmente criar um ponto de acesso wifi e cumprir a mesma função. Onde um hotspot wifi realmente mostra o seu valor é durante viagens longas, com diversos passageiros a bordo. Ao criarem um rede wireless para computadores portáteis, tablets e outros, facilitam o acesso de dispositivos sem capacidade celular. Para além da simplicidade, poderá evitar custos de dados em smartphones com planos limitados. Os operadores em Portugal têm inclusive pacotes para cartões de dados a preços mais baixos do que os de uso dados/voz.

Do lado das desvantagens, é importante não esquecer que as redes móveis não têm ainda a robustez ideal. A cobertura do sinal é desigual ao longo das estradas por onde andar, assim como as velocidades obtidas. Conte com as ocasionais falhas de rede quando viajar por zonas com sinal fraco. Por outro lado, mesmo que os operadores ofereçam pacotes com cartões de dados móveis, é sempre um custo acrescido. Instalar Wi-Fi no carro é muito mais fácil agora do que era há alguns anos atrás, mas tem despesas envolvidas independentemente do método que escolher. Cada opção vem com custos de hardware e plano de dados, e também há questões de conveniência e qualidade de ligação a considerar. Conheça 3 opções.

Internet no carro: precisa de um hotspot Wifi?

Opção 1: Smartphone como ponto de acesso

Vantagens: Custo mínimo, não precisa de comprar qualquer equipamento. Usa o seu smartphone para ligar à rede todos os outros passageiros do carro. Só precisa de um cartão e de um plano de dados. Alguns carros podem usar a ligação Internet do seu smartphone através de um cabo USB.
Desvantagens: O smartphone deverá ser carregado enquanto é usado, para que a bateria não descarregue totalmente. Este processo obriga o dispositivo a um esforço suplementar e vai notar um aumento substancial de temperatura. Não é recomendável o seu uso durante longos períodos. Custo dependente do plano de dados do cartão escolhido: não é boa ideia ver filmes 4K na estrada…
O que precisa: Para além de um smartphone recente e com um plano de dados contratado, não precisa de nada. Deverá apenas ativar a função “Ponto de Acesso Wifi”, disponível nas configurações de sistema Android ou iOS.

Opção 2: Dispositivo hotspot móvel

Vantagens: Simples e pronto a usar numa variedade de situações, não se limita ao carro. Os operadores nacionais têm todos ofertas de hotspots e planos de dados. Pode ser alimentado a partir do carro ou de bateria.
Desvantagens: Obriga a aquisição do dispositivo e de um cartão de dados. Suscetível às mesmas quebras de sinal que afetam um smartphone.
O que precisa: um router/hotspot portátil e um cartão de dados do seu operador. Depois de ligado, não há necessidade de configuração adicional e pode ser acedido como qualquer rede wifi.

Opção 3: Instalação de MODEM/Router dedicados

Vantagens: É o último passo antes de adquirir um veículo com um sistema já integrado. O sinal recebido é muito mais robusto e fiável e, para além de Wifi, pode ainda oferecer portas Ethernet.
Desvantagens: Instalação dedicada, com pouca portabilidade, por um técnico. Continua a necessitar de um contrato de dados. É uma solução só aconselhável para utilizações exigentes, já em contexto profissional. Custo superior.
O que precisa: Um router wireless, instalado de forma semi fixa ou permanente. Cartão de dados.