Monsanto é o paraíso a 15 minutos do centro da capital

Monsanto tem campos de jogos, parques infantis, esquilos e pistas de rádiomodelismo, muitas actividades que a Goodyear recomenda às famílias Lisboetas.

A espreitar Lisboa desde sempre, a Serra de Monsanto é mais do que o “Pulmão da capital”, é a zona por excelência para os fins de semana das famílias alfacinhas. O Parque Florestal tem uma vasta área de mata classificada, parques infantis, percursos pedestres, miradouros e campos de jogos, que muitos lisboetas já dão por garantido e até se esquecem de visitar. Este fim de semana meta as crianças no carro e venha com a Goodyear (re)descobrir este mosaico de natureza com tanto que oferecer a apenas 15 minutos do centro da cidade.

Apesar da serra apresentar sinais de ocupação muito anteriores à fundação de Lisboa, foi só na década de 1930 que o Engenheiro Duarte Pacheco, o histórico Ministro das Obras Públicas e presidente da Câmara de Lisboa, se decidiu a arrancar com a arborização sistemática da zona. O projecto ficou a cargo de Keil do Amaral, outro nome famoso que recordamos no anfiteatro e no parque de merendas aqui construídos, e acabou por ocupar cerca de 1/8 da área total da cidade. Depois de algum abandono enquanto a cidade crescia noutras direcções, o séc. XXI trouxe a reabilitação de Monsanto e os alfacinhas reencontram-se com aquela mancha verde que conseguimos ver de tantos pontos da capital.

Local ideal para famílias

Para as famílias lisboetas, o Parque Florestal de Monsanto, o seu nome oficial, tem à disposição uma série de actividades de fim de semana que incluem naturalmente o desporto, mas que também apostam na descoberta da natureza e muita brincadeira pelo meio. A ciclovia de Monsanto liga-se agora ao coração da cidade através do Corredor Verde e a bicicleta é uma das formas mais agradáveis de lá chegar, mas não é desafio para toda a gente. Os lisboetas têm o azar de viver numa cidade irregular como poucas, e as subidas de Monsanto não são para crianças de tenra idade, mas já apresentam desafio ultrapassável por maiores de 10/12 anos.

Apesar de ser uma mancha verde contínua, Monsanto tem algumas matas clássicas como a de São Domingos de Benfica ou da Serafina, que merecem uma visita especial para conhecermos os seus habitantes, fauna e flora, e uma série de equipamentos que aqui foram construídos nas últimas décadas, nomeadamente os inúmeros parques de merendas que encontramos pelo parque, como cogumelos.

Um pouco por todo o lado, o principal habitante da Serra é o carvalho, que fornece a bolota à população de esquilos que aqui mora, mas a diversidade é notória e surpreendente, ainda mais quando pensamos que estamos, literalmente, nas traseiras de Lisboa. Pinheiros, ciprestes e acácias são abrigo para os animais locais e uma série de espécies que usam Monsanto como ponto de migração.

Monsanto é o paraíso a 15 minutos do centro da capital

Monsanto acolhe a biodiversidade

A porta de entrada para os “mistérios” do parque pode ser feita através do centro de interpretação do Espaço Monsanto, a sede para um conjunto de actividades que aqui se desenrolam. Há uma oficina de expressões plásticas, mas é o trabalho de observação e conservação que é realmente interessante.

Para conhecer a mata em volta, o Espaço Biodiversidade, inscreva-se numa visita guiada em que um conjunto diversificado de informação sobre a história, a geologia, a fauna e a flora do Parque são tema de conversa. Encontra aqui, por entre os diferentes percursos de interpretação possíveis, uma torre de observação da natureza, um lago artificial que recria uma zona húmida com a sua flora e fauna características, sobreiros que nunca foram descortiçados, uma mina de água antiga e ainda equipamentos como a FitoEtar ou um viveiro pedagógico onde pode aprender os segredos de uma floresta, uma horta pedagógica e ainda um Centro de Recuperação de Animais Silvestres.

Muitos parques infantis para os mais pequenos

Se os passeios pela mata não convencem os seus filhos a sair de casa, os parques infantis de Monsanto têm, de certeza, alguma coisa que os entusiasme. O Alto da Serafina tem uma escola de condução infantil, inúmeros baloiços e escorregas, zona de insufláveis e uma aldeia de índios para que eles corram bem à vontade. O parque do Alvito tem uma caravela, um comboio em madeira, um Parque Aventura e um labirinto. Os nossos filhos adoram os dois e ambos têm ainda actividades regulares como aulas de yoga para crianças, ginástica, workshops de reciclagem, etc..

Facilmente acessível até de transportes públicos, a mata de São Domingos de Benfica tem um conjunto de equipamento capazes de oferecer um dia completo a qualquer família: no parque aventura há slide, escalada e pontes, um parque infantil tem tudo o que os mais pequenos podem desejar, campos de jogos e um espaço de merendas.

Mapa de Monsanto

Também há desporto para além do futebol…

Além dos diversos campos espalhados ao longo dos 1000ha do parque, as ideias para desporto não se ficam pela prática de jogos com bola. O Clube de Actividades de Ar Livre organiza sessões de escalada (>12 anos), há aulas de iniciação ao tiro com arco (>8 anos) e ensinam-se técnicas de orientação (>10 anos) mesmo no meio das matas mais cerradas de Monsanto.

Se, tal como os pais, os seus filhos já mostram algum gosto pelos carros e pelo desporto automóvel, aproveite um passeio aqui pela zona para visitar a pista do Clube de Rádiomodelismo de Portugal. Sentem-se durante uns minutos nas bancadas desta pista bem interessante e desafiante e deliciem-se com a velocidade que os carros aqui presentes conseguem alcançar. Se o bichinho morder e quiserem explorar melhor este hobby apaixonante, os amadores que aqui correm estão mais do que dispostos a responder a todas as perguntas e até há um par de lojas ao lado do recinto, onde pode investir no primeiro bólide da sua família.

A oferta em Monsanto não se fica por aqui mas não queremos sobrecarregar as crianças com as visitas às pedreiras, aos moinhos que aqui estão desde a altura em que havia menos vegetação, a descida até ao Restelo, Belém ou Ajuda, com os diversos monumentos, igrejas e palácios que encontramos pelo caminho, etc.. São visitas para quando elas forem mais crescidas. Para já, o “Pulmão de Lisboa” tem muita brincadeira para oferecer e é o primeiro recurso que uma família lisboeta tem à mão quando quer ocupar uma tarde ou uma manhã, sem ir para fora da capital.