Escapadela a Monte Gordo, no top 10

17 Junho | 2016 | Goodyear

Foi recentemente que soubemos que o popular motor de pesquisa Trivago tinha seleccionado a zona turística do Monte Gordo como parte integrante no top 10 dos melhores destinos portugueses para este verão prestes a arrancar. Para esta consideração foram cruzados dados das localidades mais procuradas pelas pessoas com vontade de umas férias e tendo em conta as melhores avaliações de hotéis. O juízo da Trivago, um motor com 11 anos de história, 55 plataformas, 120 milhões de visitantes e 200 milhões de opiniões é, pois, uma fonte de “tendência turística” a ter muito em conta para prever os melhores destinos futuros.

Mas, quais foram os motivos para considerar num posto tão alto este destino? A massificação turística algarvia consegue dissuadir qualquer um quando pensa no Algarve. Este local do leste, na costa, é mais um destino que imaginamos lotado de turistas de toda a parte e pouco acolhedor para o visitante nacional.

Este juízo apressurado (e em conformidade errado) não deve impedir-nos de conhecer um destino de férias que escolhem, também, muitos portugueses que chegam atraídos pelas paisagens e, especialmente, pelas águas: as mais quentes que encontrará em qualquer local do Portugal continental.

Casa no Faro

Monte Gordo não passava de uma clássica aldeia piscatória do sul até a década de 60, quando foi erguido um dos hotéis pioneiros do Algarve. O crescimento turístico posterior foi rápido, ajudado por um areal de beleza ainda hoje vigorante e a proximidade da fronteira. Monte Gordo olha para o Atlântico num local privilegiado próximo da foz do Guadiana, com uma praia de quase dez quilómetros a esperar pelos visitantes de cada verão.

A cidade é um sucessão de cafés, bares, restaurantes e lojas. O centro conta com ruas e largos onde passear com calma e fazer alguma compra, complementados com um longo passeio pedonal presidido pelas palmeiras e dotado de cómodos bancos de jardim entre as numerosas esplanadas dos cafés tradicionais . Na costa, a praia estende-se até aonde a vista alcança, marcando uma linha entre a fronteira e o sistema da Ria Formosa. A visita à cidade pode ainda ser realiza de magnífica charrete puxada por cavalos, um dos transportes mais utilizados pelos turistas para conhecer uma zona cujo charme espanta.

Uma outra opção de veículo “peculiar” para conhecer a região é a dos barcos de aluguer. De Monte Gordo pode partir para uma aventura que nunca esquecerá percorrendo a costa algarvia (ou a espanhola, se perder a orientação). As paisagens do litoral desta zona são espectaculares mesmo, e o barco é um local perfeito para apanhar o sol e encher a vista com a beleza íngreme das paisagens da foz do Guadiana.

Se tiver vontade de conhecer a região em volta, visite a Praia Verde, um formoso areal do Sotavento que deve a sua denominação ao pinhal. Esta pequena floresta de pinheiros ergue-se no topo de uma elevação sobre a praia e oferece um local perfeito para um piquenique. Nas proximidades da Praia Verde encontrará um monte de restaurantes especializados em peixe que lhe descobrirão já para sempre a rica gastronomia local. Ficará apaixonado.

Good Year Kilometros que cuentan