Sapientia Boutique Hotel: descanso com saber em Coimbra

Em Coimbra, a dois passos da biblioteca Joanina, o Sapientia Boutique Hotel reúne o melhor de dois mundos: descanso e saber.

Fica a poucos metros da Biblioteca Joanina. Junto à Universidade. Abriu há cerca de um ano. Para descansar rodeado de livros. É o Sapientia Boutique Hotel, em Coimbra, onde os quartos são dedicados a escritores. Com efeito, é local onde encontramos o tempo para a leitura.

O Sapientia Boutique Hotel está integrado numa zona classificada como Património Mundial pela UNESCO. http://quilometrosquecontam.com/fim-de-semana-coimbra/ Para fazer nascer a unidade hoteleira foram recuperados três edifícios dos séculos XVIII e XIX. Mas não são só os livros a imagem de marca do hotel da “sabedoria”. Também o vinho é parte integrante do ADN do espaço. Um dos edifícios teve como primeiro dono Antonino Vidal. Vidal foi professor da universidade no século XIX e era também produtor de vinhos. Dá, deste modo, nome ao vinho da casa.
Num único espaço cruza-se a ousadia da arquitetura contemporânea com os traços do passado. Como se descreve a si próprio, o hotel, “conjuga e deixa à vista pedras com memória, madeiras de outros tempos e o ferro e o betão da modernidade… É um ato de amor incondicional que se afirma num conceito muito português”.

O Sapientia Boutique Hotel tem 22 quartos, de várias tipologias, distribuídos por três edifícios contíguos e interligados entre si. Antes de chegarem ao seu quarto, ainda no check-in, os hóspedes são acolhidos com uma bebida e um pastel de nata. E, se olharem em volta, atentamente, ver-se-ão rodeados por um balcão que integra livros, vinhos “Antonino Vidal” e ainda a frase “Coimbra é uma lição” aplicada na parece.

E os pormenores, ai os pormenores. Por exemplo, no espaço dedicado a Ramalho Ortigão, há candeeiros com livros incorporados. E, por cima da cama, uma edição antiga de As farpas.

Fique no quarto do seu autor favorito

Subindo aos quartos, a surpresa. Todos são diferentes, com histórias únicas, específicas, com uma identidade. Ainda mais, numa homenagem à literatura portuguesa, a cada um dos quartos foi atribuído o nome de um escritor com ligação a Coimbra. Poetas, romancistas, autores clássicos aos pós-modernistas que viveram ou escreveram sobre Coimbra . Na generalidade participaram na vida da Universidade e nas suas tertúlias literárias deixando também as suas marcas na vida boémia de Coimbra. E, afinal, no Sapientia Boutique Hotel. Miguel Torga, Eça de Queirós, Vitorino Nemésio , Fernando Pessoa, Ramalho Ortigão são apenas alguns exemplos.

No topo do hotel “Cheio de Estrelas”, é o local ideal para ver Coimbra de uma nova perspetiva. Do terraço pode ver a cidade, o rio Mondego, o Pário das Escolas ou a Torre da Universidade. E claro, a Biblioteca Joanina ali ao lado. A cultura está imbuída em todo o projeto, ou não fossem sócios do hotel um jornalista (José Manuel Portugal), uma professora de literatura (Maria Israel Portugal). A este casal juntam-se um outro casal de amigos: o músico André Sardet e a engenheira civil Catarina Dutra.

O que fazer?

O hotel gosta de mimar os hóspedes. Assim, não obstante a juventude da unidade, já está a criar tradições. Pelas 18h00, quando soa a Cabra, um dos sinos da Torre, os hóspedes são convidados a provar um copo.

De volta à entrada vai encontrar a “Tasca das Tias Camellas”, em homenagem a uma tasca do século XIX, onde são servidas bebidas e refeições. A tasca original é referida em obras de António Nobre ou Eça de Queirós. E, no que toca a obras de restauro, as surpresas são sempre uma probabilidade. Aliás, o Sapientia Boutique Hotel foi brindado com um extra inesperado. Sabia que durante as obras foi encontrada uma cisterna quinhentista que serve agora de garrafeira? Pode também ser vista a partir de um chão de vidro na Tasca das Tias Camellas. No pátio, uma continuação da Tasca espante-se e descanse sob uma nogueira centenária.

E mais pormenores deliciosos. Para tirar ainda mais partido das experiências que o hotel lhe proporciona, o rooftop, aquele com a vista extraordinária sobre a cidade, pode ser reservado para programas especiais, como um jantar a dois, ao som de violinos. Só no Sapientia Boutique Hotel. E, ainda assim, só mesmo em Coimbra. Aproveite para conhecer a cidade à beira do Mondego e tenha um fim de semana em cheio.