Ultrapassar com segurança

8 Junho | 2015 | Goodyear

Já nos aconteceu a todos: vamos cheios de pressa pela estrada quando, de repente, nos deparamos com aquele condutor que parece ter o pedal do acelerador preso nos 30 km/h. Nas viagens com os filhos, quando vamos buscar um familiar ao aeroporto ou quando só faltam 10 minutos para fechar o supermercado, não adianta buzinar até ficarmos surdos ou fazer gestos feios quando deveríamos segurar no volante… ele não vai sair da frente e está na altura de prepararmos a ultrapassagem.

A ultrapassagem é um daqueles gestos que muitos de nós já fazemos de forma maquinal, até inconsciente, como se estivéssemos em piloto automático até ao nosso destino. E isso é o mesmo que arriscar a vida. Ultrapassar é uma das situações que mais atenção exige e que mais perigo encerra. Temos que contar com olhos bem abertos e duas mãos sempre prontas para não pormos em risco a nossa segurança, a do condutor maçador que temos pela frente e a de todos os outros à nossa volta.

Ultrapassar-com-seguranaa-2

 

Na autoestrada ou qualquer outro tipo de via, existem normas universais que devemos sempre respeitar:

1. Não se posicione demasiado perto da viatura da frente, para que não perca ângulo de visibilidade. Um campo de visão reduzido é o pior inimigo de um condutor veloz.

2. Os retrovisores não servem para enfeitar ou ajeitar o cabelo. São ferramentas essenciais com uma função clara. Devemos sempre verificar se não há outra viatura a fazer a mesma manobra ou a circular pela via da esquerda, a uma velocidade superior.

3. A manobra tem de ser rápida, decidida, suave, na mudança adequada e anunciada pelos indicadores de direção do nosso carro.

4. Quando tivermos ultrapassado o carro da frente, devemos deixar distância suficiente antes de voltarmos à faixa da direita, sempre com um olho no retrovisor.

5. A manobra de ultrapassagem deve ser gradual e evitar perturbar o andamento dos outros condutores.

Com atenção a estes breves e simples conselhos, vai deixar para trás aquele “condutor de domingo” e conseguir o objectivo de qualquer viagem: chegar ao destino com o máximo de segurança.

Good Year Kilometros que cuentan