Vamos construir castelos de areia

Nascido em 2003 em Pêra, no Algarve, o Festival Internacional de Escultura em Areia (FIESA) é o maior evento do género em todo o mundo

O FIESA chegou aos 15 anos mas continua cheio de vontade de brincar. O maior festival de construções de areia continua a animar o Algarve e está aberto até ao final de outubro. Se está a sul, aproveite o fim do bom tempo e leve a família até ao FIESA.

Nascido em 2003 em Pêra, no Algarve, o Festival Internacional de Escultura em Areia é o maior evento do género. Destaca-se por utilizar anualmente 40.000 toneladas de areia numa área de 15.000 m2, com esculturas que chegam a atingir os doze (sim, leram bem, doze!) metros de altura. Pessoas, objetos e cenários, das mais diversas proveniências e inspirações, transformam o areal no maior atelier artístico do país. O festival é edificado por um conjunto de escultores que explora diversas técnicas de esculpir em areia, produzindo peças que se destacam pela magnitude, técnica e estética. A estes escultores experientes reuniram-se alguns portugueses que quiseram experimentar este novo material. Nasceu assim um conjunto de esculturas sob um tema livre, a que se chamou A Terra dos Sonhos.

Foram construídas peças inspiradas na história, na arte e no imaginário coletivo, máquinas e engrenagens fantasiosas e alguns símbolos da cultura portuguesa, como a Torre de Belém e o mítico Adamastor. Esta forma de arte suscitou a curiosidade do público e o festival foi visitado por centenas de pessoas, que apreciaram a criatividade e a mestria dos artistas. O evento realiza-se na Sand City, a cidade de areia, que já conta com mais de 700 peças esculpidas ao longo dos últimos 15 anos.

A construção é a fase mais interessante do festival, realizada durante 60 dias por mais de 60 artistas oriundos de 25 países e uma equipa de cerca de 50 técnicos. Toda esta equipa consegue fazer magia recriando sobre um tema uma autêntica cidade em areia que proporciona uma experiência única aos seus visitantes.

“A música enrola na areia”

As esculturas têm um grande impacto nos visitantes mais pequenos, que se maravilham com esta forma original de arte. Para que possam experimentar como se faz uma escultura, a Sand City reservou uma zona onde as crianças podem fazer os seus próprios castelos de areia.

O aluguer de um buggy é vivamente aconselhável para famílias com crianças, pessoas com alguma dificuldade de mobilidade ou simplesmente aqueles que querem ter uma experiência mais relaxante, na qual poderá tranquilamente visitar a exposição, parar e contemplar as esculturas. Há ainda visitas guiadas com a duração de uma hora.

Espíritos criativos

Após uma intensa visita, sai com vontade de meter as mãos na areia? A pensar nesses instintos criativos, o espaço de exposição tem ateliers e demonstrações técnicas para o ajudar. As workshops têm um foco especial na escultura em areia, mas incluem também pintura e modelação de barro. Há ainda vídeos e documentário sobre o FIESA e a sua construção. As suas idas à praia nunca mais serão as mesmas! Pode encontrar também um espaço para as crianças brincarem com areia e arte, com atividades musicais incluídas. Se quiser voltar à noite, poderá ainda ver a exposição iluminada por jogos de luzes, um cenário de atmosfera surreal.

FIESA - Quilometrosquecontam

Quando ir? Já! Poderá visitar este evento no Algarve, na estrada E524, entre Pêra e Algoz, até 30 de outubro. O preço vai agradar aos pais, já que as crianças não pagam até aos cinco anos e as mais velhas pagam apenas meio bilhete. Os adultos podem entrar por 9 euros e há um desconto de 15% para maiores de 65 anos.

E vale a pena ir? Claro! Esta é uma exposição memorável: a capacidade de estes artistas transformarem a areia em obras de arte, é um espetáculo que merece ser visto. Lembra-se de, quando era criança, construir fantásticas e inexpugnáveis fortalezas sob o olhar carinhoso e atento dos seus pais? Está na altura de passar ao nível seguinte…

Praia - Quilometrosquecontam