São Pedro do Sul: Adrenalina e relaxe ao lado do Vouga

O que ver e visitar entre São Pedro do Sul e Vouzela, num fim de semana que inclui passeios de canoa no Vouga e muito descanso nas termas.

Ainda no sopé da serra, as casas brancas de São Pedro do Sul fazem um bonito contraste com o verde das terras férteis que se estendem à sua volta. Entre o Rio Vouga e o Rio Sul, com as águas que descem da Gralheira e do Caramulo, não admira que seja a água a marcar tanto a paisagem e a vida dos habitantes da região. Fomos passar um fim de semana entre São Pedro do Sul e Vouzela, com passeios de barco no Vouga e sessões de terapia nas termas, e descobrimos como se pode rejuvenescer o espírito e o corpo ao mesmo tempo.

Em São Pedro do Sul já se acredita na qualidade medicinal das águas locais há mais de 2.000 anos, segundo indicam os registos arqueológicos, e até D. Afonso Henriques deverá ter estado aqui a curar uma perna partida na Batalha de Badajoz. Fast forward para os dias de hoje e as termas locais passaram entretanto por um sério investimento em renovação que lhe trazem agora uma clientela mais moderna e jovem.

vouzela-ponte

Um spa moderno com mais de 2.000 anos

As novas Termas de S. Pedro do Sul estão irreconhecíveis: mais modernas, com equipamentos termais de última geração, mais atraentes e com um atendimento profissional altamente qualificado, onde inclusive não falta a criatividade contemporânea dum estilista como José António Tenente, que desenhou todo o equipamento dos profissionais das Termas. Passados 2.000 anos, as termas regressam assim ao tempo dos antigos romanos, quando o prazer e o bem-estar eram a principal preocupação.

Apesar dessa modernização, emergindo à superfície a uma temperatura de 68C, as propriedades destas águas continuam a ter uma importante vertente de saúde e são especialmente indicadas para o tratamento de doenças reumatológicas, das vias respiratórias e nas áreas da medicina física e de reabilitação. Nas margens do Vouga, em três amplas piscinas, pode-se desfrutar da hidromassagem, praticar ginástica, desfrutar de tratamentos de vapor e uma série de outras terapias.

Para responder à procura de um público mais jovem, em busca de um fim de semana de descanso e fuga ao stress em vez dos extensos (de 15 a 20 dias) programas de saúde, o Balneário Rainha Dona Amélia tem ofertas diferentes: 30 minutos em Piscina de Recuperação ou em Piscina com Hidromassagem fixa, 15 minutos num Duche com massagem local, numa Banheira com Hidromassagem Automática, num Banho de Imersão ou numa Massagem Manual Localizada de 25 minutos, 45 minutos numa Massagem Manual Geral ou ainda a Massagem com Pedras Quentes. Espreite o menu de opções e programas e irá encontrar várias propostas que, de certeza, ajudarão a afastar o stress.

Rio abaixo

Mas, com este público rejuvenescido, não admira que o Vouga possa ser cenário tanto para o relaxe como para o desporto. A descida do rio em canoa é uma atividade cada vez mais procurada pelos visitantes e leva-nos através de paisagens realmente memoráveis. Já tivemos oportunidade de fazer o percurso entre São Pedro do Sul e Vouzela e afiançamos que as três ou quatro horas aqui passadas são de grande beleza e diversão.

O desafio deste percurso varia com a época do ano e com a intensidade das chuvas, mas deverá ser quase sempre acessível para a maioria das pessoas. Tem algumas zonas mais rápidas, dependendo do caudal mas, em sentido inverso, poderá não ser utilizável durante o verão, quando as águas retrocedem. Se não tem a experiência ou o equipamento, há vários operadores locais que o poderão ajudar e guiá-lo com monitores experientes e conhecedores da região. Partindo do cais de Pessegueiro do Vouga, a MuitAventura vai até à Foz do Rio Mau, a Transserrano deixa-nos em Sernada e o Capitão Dureza acrescenta ainda programas de passeios de moto4, BTT ou jipe.

vouga-cascata

E ainda…

São Macário e a Gralheira são gigantes rochosos, brutos e imponentes, que servem de belíssimos exemplos para quem quiser descobrir o que é isso da “alma serrana”. Aqui perto podemos encontrar uma das mais carismáticas terras do nosso país, a Aldeia da Pena e uma estrada cujo nome assusta mas que é de visita obrigatória para quem gosta de devorar quilómetros e de grandes paisagens ao volante: o Portal do Inferno, local inesquecível. Se procura um spa ou termas mais próximos de si, conheça também a nossa lista de espaços termais e balneários.