Workshops de cozinha: cinco opções para se tornar um chef

Workshops de cozinha: cinco opções aulas de culinária para se tornar um chef. Preparamos uma lista de sugestões diversificadas para o ajudar.

Está na moda ser chef. E qualquer um minimamente jeitoso para a cozinha já começa a tentar replicar em casa as receitas apresentadas em programas de televisão, nas revistas e claro, nos livros dos mais modernos robots de cozinha do momento. Mas há alguma sabedoria subjacente. Por isso, antes de se lançar na criação das suas próprias receitas, tome nota de alguns workshops de cozinha, por todo o país, onde poderá pôr a mão na massa e preparar uma refeição digna de quaisquer convidados especiais.

Além dos workshops e cursos em que se pode inscrever, a maioria destes locais disponibiliza também “vouchers” para oferecer a quem ache que precisa de umas dicas ou que simplesmente adora cozinhar. As soluções para grupos (empresas, grupos de amigos ou até festas temáticas) são outras opções em geral.

Divirta-se e aprenda a cozinhar com os melhores.

Clavel’s Kitchen

A Clavel’s Kitchen disponibiliza cursos destinados a cozinheiros amadores que querem aprender e desenvolver técnicas de cozinha clássica e contemporânea. O ambiente é descontraído, ideal para ficar a conhecer tantas técnicas quanto possível. Os formandos ficam dotados de ferramentas que, combinadas com a sua própria criatividade lhes permitem tornar-se em grandes cozinheiros.

Os próximos cursos incluem um curso elementar de cozinha, um workshop de cozinha asiática e pizza, além do já referido curso de técnicas de cozinha. No site da organização, que tem também um blogue (aliás, foi por aí que tudo começou) e é presença pontual em programas de televisão, encontra toda a informação sobre as próximas iniciativas e imensas dicas para fazer “aqueles pratos” de que tanto gosta.

FeedMe

Dizem que a cozinha é a sua paixão. Na Feedme o elenco de chefs é de luxo. Juntaram “o melhor dos melhores” o que resulta num menu cheio de aroma e sabores. Chefs, ingredientes, técnicas, equipamentos, tudo é de topo. Mas os destinatários são qualquer um: dos principiantes aos mais exigentes há oferta para todos os níveis.

Pode escolher para si ou para oferecer um curso entre os vários disponíveis. Curso de mordomo, para saber servir com todo o requinte, curso básico de pastelaria, para confecionar o bolo dos seus sonhos, ou o curso avançado de cozinha são apenas alguns exemplos da oferta deste atelier de cozinha. As propostas são muitas e o difícil será, naturalmente, escolher.

Kiss the Cook

Este é um dos inovadores espaços para desenvolver o chef que há em si. Segundo os promotores, “a cozinha une as pessoas” e a proposta da Kiss the Cook, na LX Factory, em Lisboa, é descobrir um conceito de cozinha inovador onde vai poder viver verdadeiras experiências culinárias.

A oferta inclui sessões de “team building” para empresas, mas também sessões para particulares. E ajustadas ao nível de conhecimento que cada um pretende adquirir. Pode optar entre workshops de duração reduzida ou cursos mais alongados. Nos workshops pode aprender truques e técnicas. Pode confecionar comida étnica, ficar a conhecer técnicas culinárias tradicionais de cozinhas como a francesa ou a italiana. Para saber algo com mais profundidade há cursos de bases de cozinha a pastelaria. Os alunos saem de lá a dominar a arte do sauté, cortes e tempos de confeção. É a base das bases para cozinhar em família, impressionar amigos ou, quem sabe, algum contacto profissional.

Restaurante vegetariano Da Terra

O restaurante vegetariano Da Terra pretende promover esta forma de vida saudável através de múltiplas iniciativas. Entre elas, claro está, estão os workshops de cozinha, neste caso de comida vegetariana. De facto, o nome do workshop acaba por ser uma chamariz: “comida autêntica para gente feliz”.

Este workshop é perfeito para quem acredita que a comida deve ser natural, não processada, local, da estação e biológica. Durante a formação são passados princípios básicos cobre como confecionar pratos para o dia-a-dia, com flexibilidade, improvisando com os ingredientes disponíveis no momento.

Os workshops são também indicados para quem tem intolerância ao glúten, pois tudo é confecionado sem este ingrediente.

Supper Stars

Se a sua onda é mais caseira, talvez seja uma ideia interessante trazer o chef e o workshop de culinária até casa. A Supper Stars tem um serviço com workshops privados de culinária conduzidos pelos chefs da empresa.

Além das propostas habituais, também leva a sua casa chefs profissionais. Pode reservar online ou contactar a organização diretamente para criar um evento personalizado em casa, no escritório ou noutro local. No dia do evento, o chef traz os ingredientes, prepara e serve a refeição e deixa tudo como encontrou. Vítor Areias, Susana Cigarro ou Kiko Sousa são apenas alguns dos chefs envolvidos nestes workshops.

Pode optar por um workshop vegetariano, de petiscos portugueses, sous-vide (sob vácuo), canapés, molhos, tailandês, risotto, entre outros. E os Supper Stars recordam que a gastronomia, as experiências e o convívio têm na sua essência o conceito de comunidade e de partilha. Apelam à partilha da iniciativa para, desse modo, promover também os chefs de que mais gosta.