Quais são as diferenças entre as luzes xénon e led?

Ver e ser visto é fundamental. Descubra com a Goodyear as vantagens e desvantagens dos faróis xénon vs led.

Se considerarmos os faróis do automóvel um elemento chave de segurança activa na estrada, conhecer as diferenças entre as tecnologias de iluminação xénon e LED é fundamental. Quanto melhor e a maior distância pudermos ver, maior a capacidade de antecipação face a qualquer imprevisto na estrada. Descubra com a Goodyear as vantagens e desvantagens dos faróis xénon versus led.

Halogéneo, xénon, led, laser…. Os tipos de iluminação disponibilizado pelos fabricantes de automóveis actualmente é variada. Os faróis de halógeno são os que equipam a maioria dos veículos sobretudo nos segmentos de gama mais baixa. O rendimento é inferior aos sistemas xénon, led ou laser, sendo este o mais recente no mercado. A principal diferença, além do preço (os Laserlight do BMW i8 ultrapassam os 11.000 euros) é o alcance e luminosidade. Enquanto as luzes de halogéneo têm um alcance de 60 metros, os faróis xénon chegam a 90 metros e os Led e laser alcançam os 300 e 600 metros, respectivamente.

Faróis de xénon, mais tempo no mercado

Eles são, depois das luzes de halogénio, os faróis mais antigos no mercado. As lâmpadas de descarga de xenônio foram incorporadas em 1991 no BMW Serie 7. Desde então, a utilização foi alargada com base nas melhorias atingidas face aos modelos de halogénio.

Os faróis de xénon são compostos por uma central de xénon e uma lâmpada de xénon. A duração de uma lâmpada de xénon é de aproximadamente cinco anos, 100% superior face a uma de halogéneo. Consome também menos energia do que uma lâmpada de halogéneo. Contudo, o farol xénon não dá iluminação instantânea, que leva 1 a 3 segundos a chegar à potencia plena.

A montagem e desmontagem dos faróis de xénon é complexa e requer um especialista para fazer a substituição. Qualquer mudança no equipamento padrão do veículo deve ser aprovado por uma inspeção periódica, tendo em conta as características incluídas na ficha técnica do automóvel.

Quais são as diferenças entre as luzes xénon e led?

Faróis led, luminosidade no momento

Os faróis led estão a substituir gradualmente os de xénon. Com uma vida útil de mais de 10 mil horas, emitem uma luz de 5500 graus Kelvin, semelhantes à luz solar mas apresentam um baixo consumo energético.

As luzes led têm a característica de consumir pouca energia em comparação com a quantidade de luz emitida. Ao contrários dos faróis xénon, os led são capazes de iluminar com intensidade máxima em frações de segundos.

A luz

A luz led acende a totalidade dos lumens no momento, o que significa que o tempo que decorre entre o momento em que a LED começa a acender-se e é emitida luz a 100% é muito baixo. Os led são sistemas adaptativos, o que significa que são capazes de mudar o feixe e adaptar-se à estrada. Realiza-se assim, de forma automática, a passagem de mínimos para médios e vice-versa.

Em qualquer caso, para uma correcta iluminação é necessário prestar atenção à manutenção do automóvel. A vida útil dos faróis xenón e led está garantida, mas é conveniente confirmar que as luzes funcionam corretamente, especialmente no outono e inverno. Nestas alturas do ano,devemos verificar se as cúpulas dos faróis estão limpas e que não têm humidade no interior.

Descubra ainda, com a Goodyear, como usar as luzes do automóvel, sejam xénon, led ou de halogéneo, para as tornar seus aliados na segurança na estrada.